Arquivo | Junho, 2011

Vogue.pt not

12 Jun

Alguém pode dizer à Vogue algumas pequenas coisinhas que os ajudem no que diz respeito a websites????

Será que eles sabem que cada vez há mais utilizadores a utilizar Mac por isso dava um jeitaço que o website fosse implementado tendo esse pequeno pormenor em consideração? Será que ora alinhar os conteúdos à esquerda, ora alinhar conteúdos ao centro, tudo mixado na mesma página agora está na moda? Será que espetar com molduras a imitar as películas de negativos fotográficos voltou a ser cool (na Homepage!!!)? Será que alguém lhes diz o que é uma navegação userfrindly? Será que há um estagiário com dois dedos de testa que os ajude a fazer os destaques promocionais com montagens decentes? E será que há algum copy, editor, corretor, ou o que lhe queiram chamar que os ajude na correcção dos erros ortográficos? E por fim será que alguém lhes pode dar umas aulinhas de bom gosto e dizer o que está “em voga” no que toca a design?

www.vogue.xl.pt

Anúncios

Chão do Prado

11 Jun

Excelente restaurante a cerca de 30/ 40 minutos de Lisboa, fica na zona de Bucelas, que vale totalmente a pena a viagem! É numa quinta, no meio das serras e vinhas da zona proporcionando por isso uma excelente paisagem a quem por lá almoça. A acompanhar as vistas juntam-se uma comida deliciosa e vinhos produzidos na casa extraordinários – com destaque para o espumante.

Para entradas escolhemos uns ovos mexidos com farinheira, prato este que nunca resisto quando vem na ementa e posso por isso afirmar que estes são dos melhores de Portugal (para mim só os da Herdade do Sobroso é que estão à frente mas também a D. Josefa – a santa cozinheira da herdade – já foi galardoada e tudo, por isso é difícil bater). A fazer parelha com os ovos pedimos um queijinho de Nisa na brasa que também é de comer e chorar por mais. Tudo isto acompanhado por pão da região quentinho, quentinho, guloso que só visto (neste caso comido)!Os pratos eleitos andaram mais pelas carnes, que são o forte da zona, e entre o bife à chão do prado com um molho de espumante e pimenta (se não me engano), uma espetada do lombo com um molho de ervas fresco e muito especial, uns cubinhos de carne com um molho de alho ao que parece também espetacular, é difícil eleger o mais saboroso. Ao que parece o polvo à lagareiro também não era nada mau e as sobremesas deram mesmo o aconchego final à refeição dos deuses. Eu fiquei-me pelo bolo de chocolate com uma bola de gelado que era óptimo, nada enjoativo, perfeito.

Ora assim posso dizer que o aniversário do papá se passou mesmo muito bem, foram 58 Primavera comemoradas entre delicias de Bucelas, nada mau mesmo! Recomenda-se.


www.chprado.com

É pena o site não representar minimante a essência do espaço (devia ter tentado vender um site em condições! para a próxima) mas vão por mim, vale mesmo a pena conhecer.

Nota: Obrigada Engenheira Catarina e hiper benfiquista Vitor por me terem apresentado este cantinho tão especial.

Back to work

6 Jun

Lá chegou o dia do regresso ao trabalho depois de 5 meses inteirinhos em casa no papel exclusivo de mãe. É triste… Sair de casa é um martírio com algumas lágrimas disfarçadas à mistura. Ao longo do dia vamos olhando para o relógio imaginando o que está a acontecer naquele momento por casa na nossa ausência, ficamos com o coração apertado, mas pensamos na bela frase tão típica portuguesa: “tem de ser…” e reconfortamo-nos um pouco, como se tudo se justificasse em 3 pequenas palavras. “Tem de ser”, “Os crescidos têm de trabalhar”, “Temos de ganhar dinheiro para a papa”, “Tem de ser…” – será alguma (ou todas) estas frases que vamos utilizar um dia, quando ele compreender melhor o mundo que o rodeia, para lhe explicar a ausência dos pais durante o dia; por agora servem-nos para nos tentar reconfortar a nós. Para ultrapassar sem grandes dramas esta fase de mudança restam-nos muitas manobras de diversão com muita gargalhada e palhaçada à mistura (com um forte e honrado papel do pai neste campo nesta fase tão crucial – és um máximo pai David!) para que ele se vá habituando à nova rotina sem que o seu pequeno mundinho seja demasiado abalado.

Por outro lado sabe muito bem agora chegar a casa, esta é a novidade boa.

Mini casa Maxi espaço!

4 Jun